Páginas

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Furar a orelha dos bebês em farmácias volta a ser permitido

Resolução da Anvisa  estabeleceu novas regras para os serviços oferecidos por farmácias e drogarias

Aline Moraes


Sua filha nasceu e você não sabe ao certo como fazer para furar a orelha dela com segurança? A partir da agora, você pode levar seu bebê a uma farmácia ou drogaria sem problemas. A Anvisa publicou as novas regras para a prestação de serviços nesses estabelecimentos - entre eles, furar a orelha para colocar brincos, que volta a ser permitido.

Desde 2003, as farmácias estavam proibidas de prestar esse serviço. A alternativa para os pais era pedir ao pediatra ou contratar um auxiliar de enfermagem para ir em casa e fazer o furo.

Fora de alcance

A resolução da Anvisa também muda a forma como você tem acesso a alguns remédios que não pedem receita médica. Antigripais, remédios para dor de cabeça, entre outros que ficam ao alcance das mãos nas farmácias, agora só poderão ser vendidos atrás do balcão. A ideia é que, ao pedir o produto a um farmacêutico, você receba as orientações necessárias.

E se você ou seus filhos necessitarem medir a pressão arterial ou febre, tomar injeções ou fazer inalações - serviços da chamada "atenção farmacêutica" - o farmacêutico poderá atendê-los, inclusive em casa.

A resolução da Anvisa está em vigor desde a data em que foi publicada e os estabelecimentos terão um prazo de seis meses para se adequarem às novas regras.

*Fonte: revista Crescer

Um comentário:

Daiane disse...

Gostei bastante do site de vcs. \Sou enfermeira obstetra e apoio o parto normal tb!!! sobre a matéria dos brincos. faço esse serviço em domicílio! meu site é www.fadadosbrincos.com.br também atuo com aconselhamento e treinamento em amamentação